18 de dez de 2012

Em busca do Natal perdido




Scrooge ou Papai Noel, do que o Natal de hoje é feito?

Estamos numa época linda, onde o amor, a paz e harmonia deveriam ser a temática da estação, certo não é? Errado, vivemos o Natal da hipocrisia, do consumismo, da violência, a cada ano, a essência do Natal se perde, um Natal ao bom estilo Scrooge.

Sinto falta dos natais de outrora, quando era possível sentir no ar o clima do Natal, de poder andar n rua e ver tudo enfeitado, as ruas as casas, hoje tem lojas enfeitadas alguma coisa nas ruas, mas as casas pouca coisa, quando criança ficava ansiosa pelos filmes de Natal na TV, nos dias de hoje passa crepúsculo ou avatar, daqui algum tempo em vez de ver o especial de Natal do Shrek ou Madagascar, veremos os especiais Xmas with Yours com Micheal Myers, I dreamming red xmas com Fred Kruger ou Saw in Xmas Night.

O homem tem o grande habito de destruir tudo, que é bom, em mais alguns anos, o símbolo do Natal vai ser mais o bom velhinho e sim o velho Ebenezer Scrooge, e em vez de dizer Feliz Natal diremos, “Tolice, isso tudo é bobagem”.

Natal ou natividade, nós deveríamos estar comemorando o nascimento, a renovação a cada ano de nosso Amor a Deus e ao seu filho Jesus, mas isso não ocorre, as pessoas correm as lojas para comprar, para gastar, a hipocrisia é muito comum nessa época do ano, pessoas que não se gostam, falam mal umas das outras, chegam nessa época dando tapinha nas costas, sorrisinhos, para no dia seguinte continua como se nada tivesse acontecido.

É triste viver um momento assim, sou um tolo ou um sonhador como diria Lennon por que ainda sinto felicidade nessa época do ano, por viver o clima, sem pensar em presentes físicos, mas sim no presente mais importante que recebemos diariamente o Amor do Pai, o Amor que podemos compartilhar com o próximo, que nessa época com a chegada do advento deveria ser ainda mais bonito.

Devemos deixar todos os sentimentos ruins, negativos de lado, colocar isso para escanteio, para tornar 2013 uma ano melhor, se cada um praticar o amor, é possível viver num mundo melhor, ou seja, no emprego, na rua que mora, sentir que se pode fazer o bem, sem quer nada em troca.

O Menino Jesus nasceu num estábulo, pobre em posses, mas trouxe ao mundo a maior riqueza que o homem pode ter a Luz do Amor, para que vivamos nela.

Pense, reflita a indiferença, a hipocrisia, não devem fazer parte de nossas vidas, que a compaixão, o amor, preencha o seu coração.

Um Feliz, mas realmente Feliz Natal a todos e um 2013 repleto de tudo do melhor, iluminados pela Luz do Amor de Deus.     

10 de dez de 2012

Feliz Hanukkah


Chanucá ou Hanucá (חנכה ḥănukkāh ou חנוכה ḥănūkkāh), é uma festa judaica, também conhecida como a festa das luzes.

Sua origem remonta a 2200 anos atrás na epoca que a terra de Israel, estava sobre o dominio da dinastia Seleucida, quando o rei Antioco IV obrigou a todos sobre seus dominios a abondonarem suas crenças, principalmente os judeus,  invadiou o segundo Templo pofranou o Altar Sagrado, com idolo e sacrificios de animais não kosher, todos aqueles que se recusavam a aceitar a cultura greco-síria eram massacrados, e os sobreviventes sofriam com duras penas. Os judeuas eram proibidos de particar a tradição da circuncisão e de respeitar o Shabat.

Muitos dos judeus ricos abraçaram ao helenismo, e por escárnio eram conhecido como “helenizantes” pelos judeus que se mantiam firmes as tradições. Após debelar uma revolta judaica na cidade de Jerusalém, o rei antioco, mandou que fosse contruida uma estatua de Zeus no Templo, proibindo a leitura e a prática do Torá, condenanodo a morte todso que não cumprisse a lei.

Ao sul de Jerusalém na cidade de Modjin teve um levante iniciado pelo sacerdote judeu Matatiahu patriarca da familia dos Hasmoneus e seus cinco filhos contra o regime de Antioco. Seu grupo era composto por 6.000 homens liderados por Yehudá ha-Macabi ( Judas Macabeus) e ao brado de “Aqueles que estão com Deus me sigam” derrotou uma força de mais de 47.000 homens. Na batalha de Bet Tzur, os homens de Yehudá impuseram uma derrota ainda maior aos exercitos sírios e recnquistaram Jerusalém e libertaram o Templo.  

Com a retomada do Templo os judeus começaram a limpeza e reconstrução do Altar profanado, para recomeçaram os ritos religiosos. Durante o serviço religiosos diários a parte central é acender as velas do Menorá com azeite puro de oliva, mas os sirios, haviam profanado os toneis de óleo, sobrando um frasco com o selo intacto do Cohen Gadol (Sumo Sacerdote), mas o volume deste só daria para uma noite, para processar o azeite puro demoraria mais de uma semana, desejosos para agradecer a Deus pela vitória, os macabeus usaram o unico frasco, e acenderam a vela, comecaram as orações para dedicar o Templo sagrado ao Serviço Divino. O óleo que era para queimar por uma noite, manteve as chamas do Menorá brilhando pelas 8 noites seguidas. Depois disso os sabios criaram a festa de oito dias chamada Hanukkah.

A celebração do Hanukkah é realizada no dia 25 de Kislev ao 2 ou 3 de Tevet (quando Kislev tem 29 dias). Durante o periodo da festa é acesa as velas do menorá ou chanukiá, um candelabro de 9 braços, na primeira noite acende-se a vela do braço maior chamdo de Shamash, ou servente, e uma vela e nos dias seguintes uma vela até que no oitavo dia, o menorá estará todo aceso.  

Em 2012 o Hanukkah está sendo comemorado pelo calendario cristão nos dias 9 as 16 de dezembro.

7 de dez de 2012

São Nicolau

São Nicolau Taumaturgo da cidade de Mira, da província de Lícia, é um santo especialmente querido pelos ortodoxos, e em particular, pelos russos. Ele ajuda rapidamente em diversas calamidades da vida e perigos das viagens. Ele nasceu na Ásia Menor no final do séc. III. E desde a sua infância, demonstrou a sua profunda religiosidade e aproximou-se do seu tio, bispo da cidade de Patara e ainda jovem foi ordenado sacerdote.

A sua vida é cercada de lendas que só aumentaram a sua fama. Uma destas lendas conta que uma família muito pobre não tinha como custear o “dote” para casar as suas filhas. O bispo Nicolau, a noite, jogou um saco de moedas de ouro e prata para ajudar a pagar o referido “dote”. E há a estória de que teria aparecido pouco depois de morto a uma menininha que teria se perdido em uma floresta na Capadócia, e pegando em sua mão diminuta, a teria levado até a porta de sua casa, não permitindo que esta morresse de frio. Muitas tem sido as suas aparições. Mas a mais famosa foi no Natal de 1583, na Espanha, quando atendendo as orações de algumas senhoras, este santo auxiliou para que nenhum só pobre deixasse de receber o seu pão bento. Os pobres, ao serem perguntados sobre a quem lhes teria dado alimento em meio a um “tão pesado inverno”, estes teriam dito que foram socorridos por “um senhor de afeições muito serenas e mãos firmes”.

A transformação de São Nicolau em Papai Noel começou na Alemanha entre as igrejas protestantes e sua imagem passou definitivamente a ser associada com as festividades do Natal e as costumeiras trocas de presentes no dia 6 de Dezembro (dia de São Nicolau). Como o Natal transformou-se na mais famosa e popular das festas, a lenda cresceu. Em 1822, Clement C. Moore escreveu o poema “A Visit from St. Nicholas”, retratando Papai Noel passeando em um trenó puxado por oito pequenas renas, o mesmo modo de transporte utilizado na Escandinávia. O primeiro desenho retratando a figura de Papai Noel como conhecemos nos dias atuais foi feito por Thomas Nast e foi publicado no semanário “Harper’s Weekly” no ano de 1866.

Nicolau passou a vida ajudando os pobres e tornou-se bispo da cidade de Myra. Ele morreu no dia 6 de dezembro de 342 e hoje é um dos santos festejados pelo cristianismo.

Fonte

http://www2.opopular.com.br/almanaque/28nov2004/8.htm

http://www.alessandra.eduardo.nom.br/html/lendadepapainoel.htm

http://pt.wikipedia.org/wiki/Nicolau_de_Myra

http://www.fatheralexander.org/booklets/portuguese/st_nicolas_p.htm

5 de dez de 2012

Árvore de Natal


A Árvore de Natal, uma tradição na época de natal tem uma origem mais antiga que a data que comemora, existem re­­latos de povos como os romanos, que enfeitavam árvores em homenagem Saturno, os egípcios colocavam folhas de palmeiras dentro de casa como símbolo de vida.
A tradição do pinheiro começou a surgir na Alemanha no século VII com o monge beneditino São Bonifácio, os povos germânicos adoravam o carvalho com sua arvore sagrada dedicadas a Odin, onde colocavam presentes para as crianças, conta à história que em pregação na Turingia, a fim de acabar com esse costume cortou o carvalho sagrado, ao cair fez todas as arvores ao redor tombarem, sobrando um pequeno pinheiro, fato foi considerado um milagre, São Bonifácio associou o formato triangular dos abetos a Santíssima Trindade e suas abundantes e resistentes folhas à eternidade de Jesus.

Existem relatos que a primeira arvore de natal enfeitada apareceu em Riga, na Letônia, em 1510, outras histórias cotam que a montagem das arvores de Natal iniciaram por volta do ano de 1530, Lutero na Alemanha. Numa noite, ao andar pela floresta, vislumbrou belos pinheiros coberto de neve e o céu estrelado ajudou a compor todo o cenário, em sua residência utilizando galhos de arvores, algodão, ornamentos e até velas acesas, tentou reproduzir para seus familiares a linda cena que havia visto na floresta.

Com isso varias famílias alemãs começaram a enfeitar seus pinheiros, o costume passando de geração em geração, chegando no XIX a Inglaterra pelas mãos do príncipe Albert (príncipe consorte de origem alemã) marido da rainha Vitória, também a França e Estados Unidos, só no século XX a tradição chegou à Espanha e América Latina.

Na época dos costumes pagãos, elas eram enfeitas, para quando desfolhasse no inverno, o espírito das arvores voltasse, já os cristãos usam a decoração para simbolizar, alegria bondade, amor e benção de Cristo.
Seguindo o espírito natalino nós da Biblioteca, colocamos nossa arvore para que todos deixem um recado, uma mensagem para o Natal e próximo ano.

3 de dez de 2012

Cineme-se 2012


Aconteceu entre os dias 28 de novembro e 01 de dezembro o Cineme-se, uma experiência audiovisual única, alem da exibição de curtas vindos de todas as partes do Brasil, tivemos o live-cinema, espetáculos que envolvem, imagem e áudio, com criações ao vivo, dando ao espectador, novas sensações.






23 de nov de 2012

Cineme-se 2012

O CINEME-SE – Bienal da Experiência do Cinema chega a sua 7ª edição trazendo uma programação cultural diferenciada para a cidade de Santos. Entre os dias 28/11 e 1/12, no Sesc Santos, na Universidade Santa Cecília, Unisanta e no TESCOM. O espectador terá a oportunidade de experimentar novas formas de fazer cinema, com a exibição de curtas-metragens nacionais, apresentação de “Live Cinema”, oficinas e música ao vivo.




As novidades desta edição ficam por conta da sessão “Catarse” que aborda a interação dos games com o cinema, uma aproximação cada vez maior entre esses dois universos, e a oficina “Cinema Digital com Máquina Fotográfica DSRL”, onde o participante irá aprender conceitos e técnicas sobre esse modo de fazer cinema.



A bienal possui um caráter cultural e não competitivo, visando exibir curta-metragem e videoperformances que contribuam no desenvolvimento sociocultural do espectador. A programação foi pensada para estimular a formação de novas plateias, como por exemplo a sessão “Pirueta”, direcionada para o público infantil, a “Maratona de Curtas”, onde vários curtas serão exibidos de forma contínua, cada um com histórias diferentes para experimentar e a sessão “Sem Olhar”, com curtas em auto descrição para deficientes visuais.








No período da noite, o foco está no audiovisual e o uso das novas tecnologias. A sessão “Cineme-se”, principal da bienal, acontece durante as quatro noites do evento, com a exibição de três curtas por dia e uma apresentação de cinema ao vivo com a participação de Vjs (vídeo jockey). Os espetáculos multimídias serão: “Como Assim?!...” (28/11), “Jogos de Guerra” (29/11), “H3O” (30/11) e “Kynorama Glauber Machine” (01/12). Haverá também a sessão da meia-noite, onde serão exibidos curtas contextualizando o cinema underground e o erotismo no cinema, fechando a noite com performances e uma apresentação musical do grupo “Multiversos”.



O CINEME-SE é uma bienal com foco na experiência do cinema e do audiovisual junto às novas tecnologias e suas convergências híbridas. Seu objetivo é estimular a formação de novas plateias para as múltiplas formas de fazer cinema hoje e promover um maior intercâmbio entre realizadores, pensadores e espectadores do audiovisual multimídia. A fotografia no cinema é o tema central das ações culturais desta edição.




A Bienal é realizada pelo Sesc Santos e Universidade Santa Cecília (UNISANTA), com apoio cultural do Cineclube Lanterna Mágica, Vídeo Paradiso, Okida Design, Tescom, Ricci Filmes e Santa Cecília TV Educativa. A entrada em toda a programação é gratuita.

6 de nov de 2012

Exposição 100 anos de Jorge Amado


Jorge Leal Amado de Faria (Itabuna, 10 de agosto de 1912Salvador, 6 de agosto de 2001) foi um dos mais famosos e traduzidos escritores brasileiros de todos os tempos.
Suas obras como Tieta do Agreste, Tendas dos Milagres, Dona Flor e Seus Dois Maridos, Teresa Batista Cansada de Guerra e agora recentemente Gabriela Cravo e Canela receberam adaptações televisivas, foras as inúmeras obras que também receberam adaptações para teatro e cinema.
Suas obras já foram traduzidas em 49 idiomas em 55 países, é o autor mais vende sendo superado apenas por Paulo Coelho.
Para comemorar essa data está sendo realizado na Biblioteca da Saúde uma exposição, alguns exemplares de suas obras e desenhos do mesmo.

29 de out de 2012

Aguarde CINEME-SE 2012 está chegando.



É a experiência do cinema e do audiovisual  junto às novas tecnologias e suas convergências híbridas. Nessa nova edição o tema será a fotografia no cinema.
O evento acontecerá entre os dias 28/11 e 1/12, no SESC, no Cineclube Lanterna Mágica da UNISANTA e no TESCOM em Santos/SP, com entrada franca.
Durante os quatro dias em que ocorrerá o evento, o publico poderá participar de diversas sessões de curtas, para crianças, adultos, cegos, sobre games, terá oficinas sobre o tema, a sessão da meia noite, apresentações de cinema em tempo real, com mixagem de imagens realizadas ao vivo por VJs aos a exibição dos curtas na “Sessão Cineme-se”.
O Cineme-se é um evento de caráter cultural e não competitivo, que visa exibir filmes de curta-metragem e videoperformances que contribuam para o desenvolvimento sociocultural do espectador.

9 de out de 2012

Fotos - Conexão Cultural Cuida-te ou Te Devoro


No dia 13 de setembro de 2012 foi realizado no Cineclube  Lanterna Mágica a Conexão Cultural Cuida-te ou Te Devoro, que abordou como tema a humanização na medicina, tendo a participação da professora Maria Fernanda Pedroso, proprietária do Laboratório de Análises Clínicas Santa Clara, de Cubatão e Piter Gil dos Santos,  aluno de fisioterapia da Universidade Santa Cecília.



28 de set de 2012

Proler–Visitação das crianças do Educandário Santista à Biblioteca e ao Cineclube da UNISANTA

Foi realizado no último dia 11 de setembro, a visita de um PUZZLE_20120911_141414grupo de crianças do Educandário Santista às dependência Biblioteca da Saúde e do Cineclube Lanterna Mágica.

Nesse dia as crianças tiveram a oportunidade de assistir a uma apresentação com a contadora de histórias Eliana Greco IMG_20120911_144524e também puderam interagir com ela.

Após a apresentação elas foram levadas para conhecer as dependências da Biblioteca.

Elas gostaram tanto do ambiente que se sentiram contagiadas e várias delas perguntaram se poderiam pegar livro ou dvd emprestado.IMG_20120911_140608

IMG_20120911_143904

13 de set de 2012

CONEXÃO CULTURAL – CUIDA-TE OU TE DEVORAM

 

O Cineclube Lanterna Mágica, da Unisanta, realiza nesta quista-feira, dia 13 deImagem sem título setembro, às 19h, na sala Maurice Legeard de Cinema, a Conexão Cultural – “Cuida-te ou te Devoram”, que abre o ciclo de cinema sobre a humanização da saúde pública na baixada santista. A programação da noite contará com a exibição de um curta-metragem, relacionado com a temática, e um debate sobre a humanização da saúde com o gastroenterologista Aristides Rodrigues Jr, Maria Fernanda Pedroso, proprietária do Laboratório de Análises Clínicas Santa Clara, de Cubatão e Piter Gil dos Santos,  aluno de fisioterapia da Universidade Santa Cecília.

O ciclo de cinema começa no dia 26 de setembro, às 19h, na sala Maurice Legeard de Cinema, com a exibição do filme “O Escafandro e a Borboleta”, de Julian Schnabel.

Data: 13/09

Local: Sala Maurice Legeard de Cinema (bloco E, 5º andar, Unisanta)

Horário: 19h

12 de set de 2012

Sarau Clara Nunes

 

No Ultimo dia 30 de agosto de 2012 foi realizado na Biblioteca Central da2012-08-30 20.30.31 Unisanta o

Sarau Entre Livros “Conto de Areia” em homenagem a Clara Nunes, apresentando musicas da cantora, apresentada pelo grupo multiverso, declamações de poesias e degustação de sabores, traduzindo o2012-08-30 20.45.34s significados de suas melodias.

Contou com a presença dos alunos, a decoração ficou a cargo de Eduardo Ricci, elaborando um visual bem intimista, criativo, com o uso de velas e cds, criando um clima perfeito para o momento.

2012-08-30 20.38.04

10 de set de 2012

Morre Milton Teixeira


O Complexo Educacional Santa Cecilia está mais triste, pois nessa madrugada de segunda feira (10/9) perdeu seu fundador e chanceler Milton Teixeira, em decorrência de falência múltiplas de órgãos.

Milton Teixeira tinha 81 anos,  era casado e deixa os filhos Sílvia Teixeira Penteado, Maria Cecília Teixeira, Lúcia Maria Teixeira Furlani, Marcelo Teixeira, Milton Teixeira Filho, Mohamad Teixeira e Munir Teixeira, além dos netos Renata Teixeira Penteado Saorine, Marcus Teixeira Penteado, Caroline Teixeira, Marcelo Teixeira Filho e Lucas Teixeira Furlani.

Para conhecer mais quem foi Milton Teixeira, segue abaixo texto extraído do site da Notícias da Unisanta


Milton Teixeira: educador, intelectual e incentivador do esporte, foi exemplo de vida
Por Assessoria de Comunicação

É impossível dizer qual foi o aspecto mais importante da vida de Milton Teixeira. O empreendedor, o educador, o escritor premiado, o advogado, o ex- dirigente esportivo e o patriarca da Família Teixeira eram faces da mesma pessoa, que mudou os rumos da educação e do esporte na Baixada Santista, com apoio de seus filhos.

Fundou, em 1961, com a esposa Nilza Pirilo Teixeira e a  cunhada Emília Maria Pirilo,  o Colégio Santa Cecília, que deu origem à Universidade Santa Cecília (Unisanta), o maior Complexo Educacional  da Baixada Santista, e um dos mais importantes do País. A origem foi uma pequena escolinha primária de apenas 26 alunos.

Hoje,  o Complexo tem 15 mil  estudantes, da Educação Infantil à Pós-Graduação. Fundou o primeiro curso de Engenharia no litoral, e um dos primeiros noturnos de graduação do Brasil na área, em 1971. Abriu, assim, as portas  para o aluno trabalhador.. Com  a participação dos filhos Sílvia Ângela Teixeira Penteado, reitora, Lúcia Maria Teixeira Furlani, presidente, Maria Cecília Pirilo Teixeira, vice-presidente e Marcelo Pirilo  Teixeira, pró-reitor Administrativo, o Complexo Unisanta tem contribuído para democratizar a educação no País.


O intelectual

 Milton Teixeira publicou 12 livros de repercussão nacional. Entre eles: A Máquina do Tempo, o inexorável da vida, vol. 2 (Editora Unisanta, 2003);  A Máquina do Tempo,  o  inexorável da  vida, volume  1  (2002);  Universidade Santa Cecília, uma lição de vida, em 2001, pela mesma  editora; Ribeiro Couto,  ainda Ausente, livro que proporcionou a Milton Teixeira o Prêmio Joaquim Nabuco, da Academia Brasileira de Letras  (Editora do Escritor, SP, 1982).   Voltaria a debruçar-se sobre o tema com Ribeiro Couto, 30 anos de Saudade,  em parceria com o Embaixador Vasco Mariz (Editora da UNICEB, 1994).

E mais: Lembranças da Casa Amarela, em 1989; Um Passado Inesquecível (Gráfica A Tribuna, 1984); Confissões  de um Advogado (Massao Ohno Editora S.A, 1963). Os homens apontaram o veredicto… e Deus? (Editora Reis, Cardoso, Botelho S.A, 1960.) Imagens Acadêmicas (Editora Reis, Cardoso, Botelho S.A., 1958), Matemática Comercial para Concursos do Banco do Brasil S.A. e D.A.S.P. (Editora Melhoramentos, 1955).

Na Academia Santista de Letras, onde tomou posse em 15 de outubro de 1975,  teve como patrono Benedicto Calixto, pintor e intelectual alvo de obras importantes de sua autoria, como Benedicto  Calixto – Imortalidade, em 1992.  Milton Teixeira presidiu a Academia nos anos de 1980 a 1982.
Trabalhou como jornalista em O Diário e em O Estado de S.Paulo, na sucursal de Santos. Foi membro titular do Instituto Histórico e Geográfico de Santos, onde ocupou a cadeira 077 Ruy Barbosa, na qual tomou posse em 14 de novembro de 1961.  


Conquistas no esporte

 Desde os primeiros anos do Colégio e da Universidade Santa Cecília, com oficinas e escolinhas, Milton Teixeira incentivou vocações. Em 1973, a Unisanta competiu pela primeira vez no exterior. Sob a direção de Milton e depois de seu filho Marcelo, a Unisanta transformou-se na maior força esportiva universitária da natação brasileira.

Milton Teixeira foi presidente do Santos FC de 1984, quando o time se tornou campeão paulista, até 1986, vice-presidente, em 1976, 1977 e 1983 e presidente do Conselho Deliberativo de 1989 a 1992.  Como presidente da Liga Santista de Vôlei,  chefiou a delegação que foi a Bruxelas, em 1963, equipe que, sob seu comando,  foi campeã do Torneio do Chile, em 1961.

Foi diretor da Liga Santista de Basquetebol, nadador, diretor do Clube Atlético Santista, campeão  santista de bola ao cesto juvenil,  nadador e dirigente de importantes clubes de Santos


Títulos, medalhas e outras homenagens

Destacam-se, entre muitos, os títulos Cidadão Santista, outorgado pela Câmara Municipal de Santos; Cidadão Vicentino, concedido pela Câmara Municipal de São Vicente; Medalha de Ouro do Mérito Cultural, pela Prefeitura Municipal de Santos; Diploma de Honra, pela Federação Paulista de Futebol; agraciado com o Grão Colar da Ordem do Mérito Futebolístico da Federação Paulista de Futebol, oficializada pelo Governo Federal do Brasil e pela Sociedade Brasileira de Heráldica e Humanística.

Outros cargos

 Foi eleito e reeleito vice-presidente da Associação Nacional das Universidades Particulares – ANUP;  diretor e  delegado regional do Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior  no Estado de São Paulo – SEMESP, Foi presidente do Conselho Administrativo da Pinacoteca Benedito Calixto, de 2002 a 2006. Hoje, Milton é presidente vitalício da Pinacoteca.

28 de ago de 2012

Sarau Entre Livros presta homenagem a Clara Nunes

 

O Cineclube Lanterna Mágica e o Sistema Integrado de Bibliotecas (SIBi), daCLARA NUNES - SEMPRE Unisanta, realizam o Sarau Entre Livros “Conto de Areia”, dia 30 de agosto, às 20h30, na biblioteca central, bloco M, 1º andar, da Universidade.

O evento será uma homenagem à cantora Clara Nunes, uma das maiores intérpretes do país que completaria 60 anos neste mês. A noite contará com um repertório musical especial, com os maiores sucessos da cantora, sendo interpretado pelo grupo “Multiversos”, declamações de poesias e degustação de sabores, traduzindo os significados de suas melodias.

O Sarau Entre Livros faz parte das atividades culturais desenvolvidas pelo SIBi-UNISANTA. Uma vez por mês sempre é realizado um sarau com temas variados como: poesia, música, cinema, teatro, histórias em quadrinhos e intervenções artísticas.

Mais informações pelo e-mail: cinelanterna@yahoo.com.br ou pelo telefone: 3202-7100 (ramal: 257). Entrada franca.


14 de ago de 2012

22º Bienal do Livro de São Paulo

 

Começou no último dia 9 de agosto a 22º Bienal do Livro de São Paulo, o mundologo encantado do leitor.

Esse ano ela teve o aumento de 37% de expositores, haverá debates literários, apresentação de filmes, estarão presente para os debates ao longo do evento, Zeca Camargo, Inácio de Loyola Brandão, FHC, Pelé, Mauricio de Souza, Fernanda Takai, a autora da serie Grossip girls - Cecily von Ziegesar, Sarah Barkey-Catwright autora da garota da capa vermelha entre outros.

A bienal acontece até o dia 19 no Pavilhão de Exposição do Anhembi, das 10h às 22h e no dia 19 das 10h às 20h ingressos R$12,00 inteira, R6,00 meia, a prefeitura disponibilisa onibus gratuitamente partindo das estações Portuguesa-Tiete e Barra Funda, mas para quem quiser ir de carro o estacionamento sai por R$30,00.

Mais informações pelo site: http://www.bienaldolivrosp.com.br/

E não deixem de prestigiar a mostra Tim Burton que está acontecendo no Cineclube Lanterna Mágica.

8 de ago de 2012

A Mostra Lanterna Trágica de Cinema – Tim Burton

edward-maos-de-tesoura-filme

 

O Cineclube Lanterna Mágica, realiza entre os dias 13 e 17 de agosto sua tradicional mostra Lanterna Trágica, esse ano terá como enfoque o cineasta Timothy William Burton, será uma semana especial mostrando toda sua ousadia e irreverência.

Serão exibidos alguns de seus clássicos:

13/08 - Eward Mãos de Tesoura(1990)
14/08 - Ed Woody (1994)
15/08 - Marte Ataca! (1996)
16/08 - Peixe Grande (2003)
17/08 - Sweeney Tood (2007)

O filme "Eward Mãos de Tesoura" marca a primeira parceria entre Tim Burton e Johnny Depp, contando com 8 longas ao longo dos últimos 20 anos, atualmente juntos em "Sombras da Noite".

Em "Ed Wood", uma produção me preto e branco que mostra a história do que é considerado o pior diretor de todos os tempos, Ed Wood, a forma precária que ele construía seus cenários e filmes, o que torna um clássico dos filmes B.

As seções acontecem todos os dias sempre às 19h no Cineclube Lanterna Mágica, Bloco E 5º andar, a entrada é franca.

O evento conta com o apoio cultural da vídeolocadora Paradiso

Data: 13 a 17/08
Local: Cineclube
Horário: 19h

Bigfish_onesheetMarte Ataca Dubladosupercine-anarquia_blogspot_comSweeneyToddPoster

21 de jun de 2012

Cordel da Festa Junina

Uma das mais tradicionais formas de literatura tipicamente brasileira festa-juninaé o cordel, e neste mes de junho em que é tão tradicional as festas juninas, como é de conhecimento geral que as maiores festas ocorrem na região nordeste, por que não aliar os dois com um cordel sobre as festas.

Esse cordel foi extraido do blog Juarês do Cordel
http://juaresdocordel.blogspot.com.br

 

Cordel da Festa Junina
Autor: Juarês Alencar Pereira.
08-06-2010.

 

Vou Contar nesse Cordel
Dá gosto de relatar
Sobre a festa junina
Que é bastante popular
Na Europa ela surgiu
De lá veio pro Brasil
Para aqui se consagrar.
No Nordeste brasileiro
Virou mesmo tradição
Sempre cada vez mais forte
Ganhou nova versão
E de uma festa pagã
Foi transformada em Cristã
Em louvor a São João.
Conforme relata a Bíblia
E segundo a tradição
Esse uso da fogueira
Tem a sua explicação
Izabel promete avisar
Prima ao ver fumaça no ar
Foi o nascimento de João.
Antes era conhecida
Como festa Joanina
Mas passou a ser chamada
Também de festa junina
Sendo assim ampliada
Ficou logo consagrada
Na cultura nordestina.
Assim junho se transformou
Num mês todo festeiro
Também com santo Antônio
O santo casamenteiro
Com são Pedro a completar
Esse santo popular
Que do céu é o chaveiro.
Do Nordeste se espalhou
E ganhou todo Brasil
Em todo canto se ver
Como ninguém nunca viu
Está no Sul e Sudeste
No Norte e Centro Oeste
Sem perder o seu perfil.
Essa festa ta marcada
Pela grande animação
Tem fogueira e milho assado
Tem foguete e tem balão
Quadrilha pra todo lado
E xote baião e xaxado
Relembrando Gonzagão.
Tem muita coisa gostosa
Pra todo mundo comer
São pratos deliciosos
Que se tem a oferecer
Canjica, aluar, paçoca
Bolo de milho e tapioca
Muito quentão pra beber.
A grande festa da roça
Tomou conta da cidade
Arraiá pra todo lado
É grande a diversidade
Tem casamento caipira
Que no humor se inspira
Com toda criatividade.

19 de jun de 2012

Cineclube, da Unisanta, encerra mostra de cinema com bate-papo sobre cinema, fotografia e viagens

O Cineclube Lanterna Mágica, da Unisanta, em parceria da videolocadora Paradiso, encerra a mostra de cinema “Cidades Invisíveis” com a exibição do filme “Meia Noite em Paris”, de Woody Allen. Após a exibição haverá um bate-papo sobre as esquinas de Paris, com a projeção de algumas fotposterografias do recente ensaio fotográfico realizado pelo jornalista e videomaker Eduardo Ricci. A sessão acontecerá dia 20 de junho, às 19h, na sala Maurice Legeard de Cinema (Rua Cesário Mota, 8, bloco E, 5º andar – Unisanta). Com entrada franca.

O jornalista abordará o tema do filme exibido e fará um link com a experiência vivida em seu recente ensaio fotográfico em cidades européias. Ricci mostrará imagens inéditas registradas na cidade luz. O ensaio faz parte do projeto multimídia “Verticidades”, desenvolvido desde 2008 em esquinas de cidades brasileiras e internacionais. O espectador terá a oportunidade de conhecer Paris pelo olhar fotográfico do jornalista. Vendo registros exclusivos do cotidiano parisiense.

Programação: “Meia Noite em Paris” (FRA, 2011)

Sinopse: Gil sempre idolatrou os grandes escritores americanos e sonhou ser como eles. A vida lhe levou a trabalhar como roteirista em Hollywood, o que fez com que fosse muito bem remunerado, mas que também lhe rendeu uma boa dose de frustração. Agora ele está prestes a ir a Paris ao lado de sua noiva, Inez, e dos pais dela, John e Helen. John irá à cidade para fechar um grande negócio e não se preocupa nem um pouco em esconder sua desaprovação pelo futuro genro. Estar em Paris faz com que Gil volte a se questionar sobre os rumos de sua vida, desencadeando o velho sonho de se tornar um escritor reconhecido.

Não é necessário retirar ingresso com antecedência, basta chegar no horário para garantir lugar. Mais informações pelo telefone: 3202-7100, ramais: 257 ou 147 ou no e-mail: cinelanterna@yahoo.com.br.

14 de jun de 2012

Santos Jazz Festival

Começa hoje 14/06 e vai até domingo em Santos o Santos Jazz Festhermeto_pascoalival, que reunirá mais de 200 músicos, nomes do cenário nacional e internacional.

Serão mais de 40 horas de música dividias em 41 apresentações em alguns pontos do centro histórico da cidade.

Abertura será com Hermeto Pascoal no Teatro Coliseu as 21h. As apresentações acontecerão no Teatro Coliseu, Palco da Bolsa do Café, na rua XV, Teatro Guarany, serão gratuitas todas as apresentações ao ar livre.

No decorrer do festival acontecerá oficinas com os musicos Hermeto Pascoal, Arismar Espirto Santo, Michel Leme, Mauro Hector e Luiz do Monte, e uma aula show jazz combo com conservátorio de Tatuí .

Mais informações sobre o evento e inscrição para as oficinas pode ser obtidas no site www.santosjazzfestival.com.br

26 de abr de 2012

SciELO Brasil lança portal de livros eletrônicos

Por Elton Alisson

Agência FAPESP – Foi lançado em 30 de março, durante evento na Universidade Estadual Paulista (Unesp), em São Paulo, o portalSciELO Livros.

Integrante do programa Scientific Eletronic Library Online SciELO Brasil – resultado de um projeto financiado pela FAPESP em parceria com o Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (Bireme) –, o portal visa à publicação on-line de coleções de livros de caráter científico editados, prioritariamente, por instituições acadêmicas.

A iniciativa pretende aumentar a visibilidade, o acesso, o uso e o impacto de pesquisas, ensaios e estudos realizados, principalmente, na área de humanas, cuja maior parte da produção acadêmica é publicada na forma de livros.

“Uma porcentagem significativa de citações que os periódicos SciELO fazem, principalmente na área de humanas, está em livros. E como um dos objetivos da coleção SciELO é interligar as citações entre periódicos, a ideia é também fazer isso com livros”, disse Abel Packer, membro da coordenação do programa SciELO, à Agência FAPESP.

De acordo com Packer, a ideia do projeto foi sugerida em 2007 pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e foi iniciado em 2009 sob a liderança e financiamento de um grupo formado pelas editoras da Universidade Estadual Paulista (Unesp), Universidade Federal da Bahia (UFBA) e Fiocruz.

O desenvolvimento da plataforma metodológica e tecnológica contou com a cooperação da Bireme, e a execução do projeto teve apoio institucional e de infraestrutura da Fundação de Apoio à Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Inicialmente, o portal reunirá cerca de 200 títulos, distribuídos mais ou menos igualmente entre as editoras das três universidades. A partir do lançamento, a expectativa é que a coleção possa contar com a adesão de outras editoras acadêmicas.

Para integrar o portal, as editoras e as obras são selecionadas de acordo com padrões de controle de qualidade aplicados por um comitê científico e os textos são formatados de acordo com padrões internacionais que permitem o controle de acesso e de citações.

A publicações poderão ser lidas por meio de plataformas de e-books, tablets, smartphones ou na tela de qualquer computador, acessadas diretamente do portal ou de buscadores na internet, como o Google, e também serão publicadas em portais internacionais.

“A ideia é contribuir para desenvolver infraestrutura e capacidade nacional na produção de livros em formato digital e on-line, seguindo sempre o estado da arte internacional”, explicou Packer.

Segundo ele, a plataforma metodológica e tecnológica desenvolvida para publicação de livros eletrônicos para a coleção da SciELO Brasil deverá ser utilizada por outros países que formam a rede SciELO para publicar suas coleções nacionais, com gestão autônoma.

Venda de livros

Além das obras com acesso aberto e gratuito, o portal SciELO Livros também possui uma área na qual será possível ao usuário comprar obras das editoras integrantes do projeto no formato e-book.

“A venda deverá ser uma das fontes de recursos financeiros previstos na operação autosustentável do portal. Isso representa uma novidade para o SciELO, que tem acesso totalmente aberto para os seus periódicos. Entretanto, o número de livros em acesso aberto deverá predominar”, disse Packer.

Segundo ele, a meta inicial é publicar entre 300 a 500 títulos por ano no portal. Entretanto, esse número de publicações dependerá da reação das editoras e do público.

“Se o projeto tiver um sucesso semelhante ao do SciELO Periódicos, o desenvolvimento do portal poderá ser mais rápido, e ele deverá contar com muito mais livros”, estimou.

Criada em 2007, o SciELO Brasil é, segundo o Ranking Web of World Repositories, conhecido como Webometrics, o líder mundial entre os maiores portais de informação científica em acesso aberto e gratuito no mundo.

Em 2011, de acordo com Packer, a coleção SciELO Brasil teve uma média diária de 1,2 milhão de downloadsde artigos. Seu modelo de publicações de periódicos é adotado hoje por diversos países e forma uma rede de coleções nacionais.

Os países com coleções certificadas estendem-se pela América Latina, como Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, México e Venezuela, e Europa (Espanha e Portugal). A coleção da África do Sul está prevista para ser qualificada e certificada em 2012.

A expectativa é que esses países também venham adotar o modelo SciELO de publicação de livros em formato digital. 
SciELO Livros: http://books.scielo.org

21 de mar de 2012

SARAU ENTRE LIVROS – “A FLOR DA PELE”

295147_3427062516353_1263997386_3400575_1497726140_nO sarau entre livros – “A Flor da Pele” trabalha a pele e as suas texturas, com muita música e poesia. Iniciativa foi criada a partir da temática do filme “A Pele que Habito”, do cineasta espanhol Pedro Almodóvar. Com a participação do grupo Multiversos, tocando grandes sucessos como: “Black is Beautiful”, “Tigresa”, I’ve Got You Under my Skin, entre outras.

Dia: 27 de março
Local: Biblioteca Central - Bloco M 1º andar - UNISANTA  
Horário: 20h30



Contatos:

Telefone: 3202-7100 - ramais: 257 ou 147
Email: ricci@unisanta.br ou cinelanterna@yahoo.com.br

16 de mar de 2012

Cidades Invisíveis

Mostra de cinema - "Cidades Invisíveis"

O Cineclube Lanterna Mágica, da Unisanta, começa sua programação de 2012 exibindo as cidades e suas formas no cinema. “Cidades Invisíveis” é o tema da mostra que traz 14 filmes atuais para representar um pedaço do mundo e deixar visível aos olhos do espectador o que está oculto nas cidades. Em comemoração aos 13 anos do Lanterna Mágica, a sessão de estreia acontecerá exclusivamente dia 20 de março, terça-feira, às 19h, no cineclube. Será exibido o filme “Paris” (2008), de Cédric Klapisch, e logo após haverá um bate-papo com: Durval Moretto, Edison Delmiro, Márcia Okida e Vinicius Batista, os professores do curso de produção multimídia, da Unisanta. A programação se estenderá durante o semestre, toda quarta-feira, às 16h, na sala Maurice Legeard de Cinema.

Sessão de estreia: 20 de março – 19h - cineclube

Programação: bate-papo com professores do curso de produção multimídia sobre o tema: “Cidades Invisíveis".

Paris: (FRA, 2008), de Cédric Klapisch

O parisiense Pierre é um dançarino que, segundo o cardiologista, ele tem um problema cardíaco grave. A única cura em potencial é um transplante de coração. Por não poder mais dançar, ele se retira para seu apartamento, e aguarda para saber se um doador se torna disponível.Ele se torna reflexivo sobre sua condição e sua vida passada.

Sessões permanentes: toda quarta-feira - 16h – cineclube

Programação:

28/03 – O Banheiro do Papa (URU, 2007), de Enrique Fernandes
04/04 – O Homem ao Lado (ARG, 2007), de Mariano Cohn
11/04 – Não Por Acaso (BRA, 2007), de André Barcinsky
18/04 – O Signo da Cidade (BRA, 2007), de Carlos Alberto Riccelli
25/04 – Em busca da vida (CHN, 2006), de Jia Zhang Ke
02/05 – Ninguém pode saber (JPN, 2003), de Hirokazu Kore-Eda
09/05 – Nova York, Eu Te Amo (EUA, 2010), de Mira Nair
16/05 – Reconstrução de um Amor (DNK, 2003), de Christoffer Boe
23/05 – Ponto Final (ING, 2008), de Woody Allen
30/05 – O Turista (ITA, 2010), de Florian Henckel von Donnersmarck
06/06 – Atravessando a Ponte (TUR, 2005), de Fatih Akın
13/06Medianeras (ARG, 2011), de Gustavo Taretto
20/06 – Meia Noite Em Paris (FRA, 2011), de Woody Allen

8 de fev de 2012

Roma - a vida e os imperadores




O MASP – Museu de Arte de São Paulo está realizando uma mostra muito interessante, Roma - a vida e os imperadores.


O acervo apresentado é composto de 370 peças, proveniente do Museu Arqueológico Nacional de Florença, o Museu Nacional Romano, o Museu Nacional de Nápoles, o Antiquário de Pompéia, o Museu Arqueológico de Fiesole e a Galeria Uffizi, uma mostra que sai pela primeira vez da Itália, dando um pequeno panorama de como era a vida dos romanos e povos a eles ligados.


Quem for poderá ver bustos dos imperadores, e pessoas comuns, peças de armaduras de gladiadores, lindas jóias em ouro e pedras preciosas, trabalho em entalhe no mármore, vidro camafeu, trabalhos em bronze, ferro e outros metais.


Você pode sentir um pouco da Roma de séc. I a.C. até séc. III d.C., admirar a magnitude da beleza e do trabalho que esse povo teve, os sarcófagos lindamente adornados com cenas de batalha ou viagem, o cuidado que tinham com os detalhes, torna essa mostra imperdível para quem gosta e quer conhecer mais sobre o maior e mais longo império de nossa história.


Mas também não pode deixar de ir ao segundo andar do MASP para ver as exposições, deuses e Madonas e Romantismo a arte do entusiasmo, na primeira temos obras sacras que vão do séc. XIV até o séc. XIX, com pinturas de El Greco, Botticelli, Rafael, Delacroix entre outros, uma visão entre o homem e o Sagrado, em Romantismo a arte do entusiasmo, temos obras de El Grego, Boch, Renoir, Manet, Monet, Van Gogh, Rodin, Dali entre outros, um passeio pela natureza, o imaginário, o corpo, as paixões.


Duas exposições que se conta põem em temas, na luz e sobras, cor, estética, mas são uma só no que diz respeito ao homem ao seu cerne.




O MASP funciona


de terça a domingo das 11h as 18h


às quintas aberto até as 20h



ingresso inteira R$ 15,00, meia R$ 7,00


às terças é gratuita a entrada.




A exposição Roma acontecerá até o dia 22 de abril de 2012, as demais sem data para terminar.