12 de set de 2018

Cinema além da tela em ações do LabCine – Unisanta


Criação Rafael Oliveira
     Com a proposta de ir além da tela, o Cineclube Lanterna Mágica e o Sistema Integrado de Bibliotecas, da Unisanta, oferecem várias opções ao espectador interessado em ver, investigar e produzir cinema em Santos. Sob a consultoria da Ricci Filmes, Produtora da Experiência do Cinema, serão realizadas ações como exposição de cartazes sobre montagem no cinema e o design, debates e estudos nas “Quartas Cine Disruptivas”, coleta de dados e pesquisas para a base de criação do “Mapa Cine Afetivo de Santos”, ciclo de cinema com filmes do cineasta David Fincher e uma sessão imersiva com base no filme “O Curioso Caso de Benjamin Button”, também de Fincher. Esta é uma programação cheia de inovações e é base das investigações do LabCine Unisanta, grupo formado por professores pesquisadores, alunos, ex-alunos da Universidade e convidados interessados em expandir os conhecimentos a partir da sétima arte. Mais informações pelo telefone: 13 3202-7100, ramal: 257 (das 15h às 19h), e-mail: cinericci@yahoo.com.br ou no blog: www.unisanta.br/cineclube. Confira abaixo a programação detalhada:

>> PROGRAMAÇÃO
10/09 a 11/10 – Bibliotecas da Unisanta
Exposição de cartazes “Montagem e Design”
Acontece nas Bibliotecas da Unisanta a exposição de cartazes “Montagem e Design”, de 10 de setembro a 11 de outubro. São 23 cartazes criados por alunos do curso de Produção Multimídia da Unisanta, com o objetivo de revisitar a montagem no cinema e recriar conceitos de grandes diretores da sétima arte. Os alunos foram convidados a participar da 10ª edição do Cineme-se – Festival da Experiência do Cinema com os cartazes, a partir do convite foram feitos os cartazes que participam da exposição.
13/09 a 25/10 – 15h – Quintas – Cineclube 
Ciclo – Cinematografia À Fincher
Com o objetivo de investigar os principais aspectos da cinematografia do cineasta David Fincher e ir além da tela, o LabCine realiza o Ciclo “Cinematografia à Fincher”, com exibição de sete filmes do cineasta e live via facebook logo após as exibições. O ciclo acontecerá de 13 de setembro a 25 de outubro, às 15h e sempre quinta-feira, na Sala Maurice Legeard de Cinema. Confira a programação com a sequência de filmes exibidos: 13/09 - “Seven – Os Sete Crimes Capitais” (1995), 20/09 - “Vidas em Jogo” (1997), 27/09 - Clube da Luta (1999), 04/10 “Zodíaco” (2007), 11/10 – “Garota Exemplar” (2014), 18/10 - “Caçador de Mentes” (Série - Temporada 1 – Ep. 1 e 2) e 25/10 - “O Curioso Caso de Benjamin Button” (2008). Este último terá uma sessão imersiva no mesmo dia às 19h30. Haverá degustação de sabores surpresas sobre o filme exibido. Em todas as sessões a entrada é gratuita. Apoio cultural da Vídeo Paradiso e Ricci Filmes. 
Semanal – 15h às 18h - Cineclube
Quartas Cine Disruptivas
O LabCine – Unisanta realiza encontros semanais com a proposta de investigar e praticar as inovações tecnológicas sobre cinematografia, com vivencias e análises das narrativas imersivas no cinema expandido, na gamificação com games, jogos de tabuleiro e em realidade virtual. Essas ações também são base da construção do Mapa Cine Afetivo de Santos, uma iniciativa da Ricci Filmes em parceria com o Cineclube Lanterna Mágica – Unisanta. Uma vez por mês será realizada uma live, via facebook, sobre um tema central das investigações. Sempre as quartas, das 15h às 19h, na Sala Maurice Legeard de Cinema (bloco E, 5° andar - Unisanta). A participação é gratuita, mas é necessário fazer uma entrevista antes de ingressar no LabCine.


Rede online de conteúdos do Cineclube/LabCine:

28 de ago de 2018

Do que são feito os sonhos?


fonte wikipedia
 O titulo desse texto pode ter inúmeras interpretações, conjecturas e filosofias, mas quando entramos numa sala de cinema podemos ver do que são feitos os sonhos.

No filme “A invenção de Hugo Cabret” ou "Hugo Cabret" de 2011 dirigido por Martin Scorsese, podemos sentir realmente essa magia que cria os sonhos, nessa obra maravilhosa onde uma história simples, ele consegue nos fazer sonhar, não só com a historia mas com os cenários nos colocando numa Paris do inicio do século de 20.

 Dentre os personagens do filme, além do Hugo pode se dar destaque a um personagem que se torna uma homenagem ao cinema, George Méliès, na humilde opinião deste que escreve ao lado de D.W. Griffin e Sergei Eisesntein são os verdadeiros pais do cinema, Méliès foi um gênio ao criar as trucagens nos filmes, criando os primeiros efeitos especiais, e Griffin e Eisentein criaram a linguagem cinematográfica.

 Como o desejo do pequeno Hugo por consertar um autômato que seu pai havia encontrado no sótão do museu onde trabalhava antes de falecer, poderia levá-lo a encontrar um dos pioneiros do cinema.

 Filmado todo em 3D é uma experiência ao deleite dos fãs de cinema, com algumas citações a filmes clássicos em suas imagens, a recriação de Paris, com fusão algumas imagens da atual, cria esse mundo mágico, Scorsese usou as câmeras fusion as mesmas usadas no filme Avatar. Esse foi o primeiro filme do diretor em 3D, e soube conduzir perfeitamente, o filme aproveitando todos os recursos e linguagem dessa tecnologia.


 Essa é uma dica de uma bela história e um belo filme, feito para agradar todas as idades.

14 de mai de 2018

Exposição e Conexão Mata Urbana com o fotógrafo Marcos Piffer


Mata Urbana em fotos dentro das Bibliotecas da Unisanta



O Sistema Integrado de Bibliotecas da Unisanta realizará no dia 22 de maio a “Conexão Mata Urbana” com a exposição de fotos do fotógrafo e arquiteto Marcos Piffer. O ensaio aborda a natureza que habita as cidades, fruto do muito caminhar e observar a flora pela cidade de Santos e pelo Brasil.

Haverá um bate-papo regado a café, sabores do cotidiano e conexão entre o processo criativo de Marcos Piffer e uma participação de Aline Bento, integrante do grupo Flor de Ser que falará das PANC’S (Plantas Alimentícias Não Convencionais).


A exposição ficará disponível até 22 de junho nas Bibliotecas Central e Saúde.






24 de abr de 2018

Não por acaso

Livros distribuídos, "Não por Acaso" está acontecendo, caso você encontre um livro "perdido", leia-o e deixe-o "perdido" novamente para que outra pessoa possa também lê-lo e "perder" depois.














19 de abr de 2018

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor e Projeto "Não por Acaso"



 
Fonte: Summer comunicação
Dia Mundial do Livro, ou simplesmente Dia do Livro, é comemorado anualmente em 23 de abril.

Além de homenagear várias obras literárias e seus autores, a data também busca conscientizar as pessoas sobre os prazeres da leitura.

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor

No Dia Mundial do Livro também é celebrado o Dia dos Direitos de Autor.

A Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) criou a data do "Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor" para encorajar as pessoas, especialmente os jovens, a descobrirem os prazeres da leitura, e conhecerem a enorme contribuição dos autores de livros através dos séculos.

Uma tradição catalã ligada aos livros já existia no dia 23 de abril, e parece ter influenciado a escolha da Unesco. Na tradição catalã, no dia de São Jorge (23 de abril), é costume dar uma rosa para quem comprar um livro. Trocar flores por livros já se tornou tradição em outros países também.

Origem do Dia Mundial do Livro

A Unesco escolheu a data do Dia Mundial do Livro em 1995, em Paris, durante o XXVIII Congresso Geral.

O dia 23 de abril foi escolhido por ser a data da morte de três grandes escritores da história: William Shakespeare, Miguel de Cervantes, e Inca Garcilaso de la Vega.

23 de abril é também a data de nascimento ou morte de outros autores famosos, como Maurice Druon, Haldor K.Laxness,  Josep Pla e Manuel Mejía Vallejo.


Aproveitando essa comemoração, faremos o lançamento do projeto “Não por acaso” que tem por objetivo incentivar a leitura entre os estudantes da Universidade Santa Cecília.

“Esquecemos” livros em alguns pontos da universidade para que o aluno que encontre esse livro usufrua da leitura e depois o “esqueça” em outro local para beneficiar outro leitor.



Deixamos a dica de duas novas aquisições das Bibliotecas: 

 Livro - 550 F151m
Título:
Microbialitos do Brasil do pré-cambriano ao recente: um atlas.
Autor(es):
Editor(es):
Data:
2015
 

 Livro - 550 D53c
Título:

Calcários do cretáceo do Brasil: um atlas.
Autor(es):

Editor(es):

Data:

2015