13 de dez de 2013

Fim de ano




Chegou dezembro, ano indo embora, as festas de final de ano estão ai, Natal, Hanukkah, Kwanzaa, não importa a sua fé, sempre existe uma festa, uma comemoração nem que seja para reunir os amigos.

É a época que vemos a cidade mais iluminada, mais colorida, dando um novo visual ao cinza diário, é possível ver ao mesmo tempo pessoas emocionadas e outros de cara fechada para com tudo isso; dizendo que é uma hipocrisia, como se ela só surgi-se nessa época, realmente nesse período temos uma demonstração maior da hipocrisia humana, mas o Natal não é um momento de ficar criticando, ou se levar pela hipocrisia. Concordo que parte do significa do Natal se perdeu ou foi substituído pelo mercantilismo, mas ainda é possível  encontrar parte do significado original que sobrevive até hoje.

Vamos fazer uma pequena viagem no tempo, em busca desse significado original. Estar nos primórdios da era Cristã, no advento do nascimento, quando Jesus, nasceu recebeu três presentes, esse ato dos reis magos inspirou o gesto de presentear as pessoas , mas o maior presente que nos foi dado, não é físico, foi o amor incondicional que Jesus nos deu e ensinou que deveríamos dar esse amor a todos, "Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros, assim como eu vos amei" (João 15-12). Este é e sempre será o maior dos símbolos natalinos o AMOR.

Procure fazer algo bom, um gesto, algo que demonstre o amor humano,  neste Natal e por todo ano, dessa forma poderá e irá contagiar outros e quem sabe um dia poderemos eliminar a hipocrisia.

Desde o ano passado as Bibliotecas da UNISANTA, começou uma ação de deixar uma mensagem em nossa árvore de natal,  um desejo para as festa ou para o próximo ano.  Venha também deixar o seu recadinho e faça parte dessa corrente do bem.

Que a Luz do Messias Ilumine a sua vida e família e traga os mais belos momentos sempre.
Feliz Natal
Feliz Kwanzaa
Feliz Hanukkah (27/11/13 a 4/12/13)

5 de dez de 2013

Manto Vermelho


Uma das imagens típicas do Natal é o Papai Noel, o bom velhinho como também é chamado, inspirado na pessoa de São Nicolau ou Nicolau de Mira, bispo cristão que por seus atos gerou o mito.

O interessante é que desde a campanha criada pela Coca-Cola no inicio do século 20 a imagem do Papai Noel é a mesma, um homem grande rechonchudo de roupas vermelhas e barba branca, até ai tudo bem, mas muitas pessoas criticam esse visual aqui no Brasil, sobre o pretexto de ser um país tropical; agora vos pergunto: como deveria ser o visual dele aqui no Brasil?

Penso, ver um homem numa loja usando bermuda, chinelo de dedo, camiseta.  Alguém sentiria apego? Acharia que ele simboliza algo?. Acredito que não, pois vemos pessoas assim na rua todo o tempo. Se ele fosse um clérigo as roupas seriam muito mais pesadas do que os trajes usados, por exemplo na Ásia menor onde Nicolau viveu era tão quente como o nosso Nordeste e ele vestia pesado manto vermelho sobre todo o traje clerical. Mas o mais interessante seria ver os pais tentando explicar para os filhos que o Papai Noel sai lá do Polo Norte (fictícia morada do bom velhinho), ao chegar no Brasil, ele para o trenó,  troca o traje tradicional e põem o bermudão e camiseta, para entregar os presentes aqui.

Uma coisa interessante sobre a figura do Papai Noel e que poucas pessoas percebem, ele representa o próprio Jesus Cristo.  São Nicolau como bispo cristão, pregava o evangelho e o vivia, doar a si mesmo em prol dos necessitados, dar presente as crianças; na tradição o papai Noel este entrega presente para as crianças trazendo alegria e esperança a elas, hoje ele aparece em diversos países, cristão ou não, mantendo o espírito de amor, fraternidade e de doar-se assim como Jesus ensinou.

Por isso eu digo, não critique se ele aparece vestido assim ou assado independente se estamos no Brasil ou Sibéria, vista o ideal dele, partilhe do amor e fraternidade, doe-se para quem precisa, existem tantos que um ombro ou ouvido é o que mais precisam, natal pode ser todos dias, basta que você o faça em sua vida e leve aos outros que te rodeiam.

Hoje dia 6 de dezembro em vários da Europa é comemorado o dia de São Nicolau, quando acontece a troca de presente.

[autoria: Oscar Junior]